Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rosa Affair

Rosa Affair

Questão?

Senhores da Mitosyl, eu sei que no vosso site vocês dizem:

Importante: Manter o produto fora do alcance das crianças.

Mas tirem-me uma dúvida! A embalagem da pomada é amarela só para chamar a atenção dos bebés ou é coincidência? É que assim não há brinquedo que consiga competir com esta pomada... Se eu deixasse, a minha bebé substituí-a todos os brinquedos que tem (e olhem que neste 7 meses já são alguns) por esta pomada...


Obrigada, era só isto!

Ser mãe #7 - mães traidoras!

Desde sempre ouvi com muita atenção os relatos das outras mamãs sobre o nascimento dos seus bebés.
Desde sempre ouvi as outras mamãs a dizer que o nascimento do seu bebé foi o dia mais feliz da vida delas.
Desde sempre ouvi as outras mamãs a dizer que se emocionaram no momento em que o seu bebé nasceu.

Foi então que quis sentir todas essa emoções.
Foi então que me quis emocionar ao pegar no meu bebé pela primeira vez.

As outras mamãs colocaram-me uma enorme expetativa ao sonhar com o grande dia. Mas não foi bem assim, suas traidoras! :)

Sempre desejei ter um bebé, menina de preferência, o que se concretizou na realidade... O desejo era imenso e eu adorava ouvir as outras mães a contar tudo o que estava relacionado com os seus bebés. Foi então que decidimos que estava na altura. Correu tudo bem, a gravidez foi de termo e muito tranquila.

Posso dizer que a gravidez foi a fase mais feliz da minha vida. Adorei andar com um barrigão, fui muito feliz ao sentir o meu bebé. Amava a minha bebé mesmo antes dela nascer e já me considerava mamã. Quando chegou o momento, estava mais do que preparada, sem nervos e pronta para a receber.


O parto foi longo, mas correu bem (graças ao alivio da epidural), um pouco mais difícil no final. Foi então que ela nasceu...

O grande momento que tanto esperei chegou. Olhei para ela e... tcharam... N-A-D-A!

Não senti emoção...
Não senti felicidade...
Não senti NADA...

Afinal tudo o que as outras mamãs me incutiram durante toda a minha vida não era verdade! Pelo menos para mim não foi... O meu primeiro sentimento foi apenas de responsabilidade. Responsabilidade por aquele ser que trouxe ao mundo.

Olhando para trás, considero que o cansaço não me deixou amar a minha bebé quando a colocaram nos meus braços... Claro que, não sei bem quando, talvez umas horas depois já a amava incondicionalmente, mas senti-me traída por todas as mamãs do mundo.

Mamãs de primeira viagem não se iludam :) Mas não se preocupem isso passa depressa, são as hormonas que nos põe neste estado...

Afinal há outra forma e sentimento ao ver uma vida a nascer...

Siga-nos no Bloglovin

Rosa Affair

Mais sobre mim

foto do autor