Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Rosa Affair

Rosa Affair

Bebés, esses pequenos pintores

Tenho em casa uma pequena pintora. Tem 523 brinquedos, mas a maior parte do tempo está nos livros e nas pinturas. Tudo começou quando comprei uns lápis de cera que se diziam laváveis. Aí descobri a pintora que tinha em casa. Ela gostou tanto dos lápis que os levava para todo o lado. Mas um dia, descobriu que os lápis de cera eram bons para pintar, mas eram melhores ainda quando os partia e os punha na boca. Tive que tomar uma atitude radical! Agarrei neles já aos bocados e mandei-os todos diretamente para o caixote do lixo…

 

A miúda não viu, mas ficou aborrecida. Andava sempre de papel na mão a pedir lápis para pintar. Decidi então ir buscar um lápis de cor que tinha numa gaveta e dei-los. Ficou contente quando lhos dei. Mas logo deixou de brincar com eles. Ainda é difícil para ela carregar no lápis e se não carregarmos um pouquinho nos lápis de cor, o risco quase nem se nota…

 

Isto passou-se, mas mãe galinha como sou, fiquei um pouco aborrecida por lhe ter tirado os lápis de cera que ela tanto gostava. Um dia fui às compras e decidi ir comprar outros, pelo menos para ela brincar ao pé de mim. Qual é o meu espanto quando encontro uns lápis de cera com capas protetoras. Como é que eu não me lembrei antes que isto poderia existir? – Isto resolve todos os meus problemas… 1º Não os consegue partir, 2º É mais difícil andar com cera na boca, 3º à medida que o lápis se gasta, tem um mecanismo de empurrar o lápis para baixo como se ele tivesse sempre afiado e 4º a miúda consegue mesmo rabiscar e não precisa de fazer força no lápis…

 

E voilà… São estes. Estes não se dizem laváveis, mas acredito que também há e melhores.

 

lapis de cera com protetores e.jpg

Siga-nos no Bloglovin

Rosa Affair

Mais sobre mim

foto do autor