Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Rosa Affair

Rosa Affair

[Empregada] Totó do mês.

avestruz.jpg

Sou eu, muito prazer.

Vou mudar de atitude. Isto assim não vai continuar.

Todos os dias tenho vinte pessoas ao meu redor que precisam da minha ajuda e eu, como alma caridosa que sou, vulgo, parva, dou resposta a todos. E juro que me sinto realizada quando o faço. No entanto, quando preciso de alguma coisa dessas pessoas, nem que seja uma resposta que demora meio minuto, nunca há disponibilidade.

Que se lixe o ficar realizada. Cansei. Cansei de ouvir "Agora não". Cansei de ouvir "Não tenho tempo". Cansei de ser parva.

 

Começou hoje às 9 da manhã e juro que me custou horrores. Eu não sou assim. Eu sou uma pessoa simpática, gosto de ajudar e gosto que os outros se saiam bem. Não lhes desejo mal. Fico aflita quando isso acontece. Gosto que todos tenham sucesso à sua maneira, gosto de um ambiente pacífico, sem conflitos. Mas quando existem atitudes que se repetem vezes sem conta e quem fica a arder sou sempre eu é preciso dizer basta.

Acabou-se a bondade, acabou-se o pensar nos outros e acabou-se a minha disponibilidade imediata.

 

Começou hoje. Ouvi trezentas perguntas no ar ao qual sabia a resposta na ponta da língua e não abri boca. Querem respostas, então tirem senha e aguardem pela vossa vez. Há-de ser pior que a fila da segurança social.

Este é o meu espirito esta semana. Sei perfeitamente que não vou conseguir fazê-lo por muito tempo. Eu não sou assim. Mas só pelo gozo, começou hoje e não sei quando acaba.

Imagem daqui

Siga-nos no Bloglovin

Rosa Affair

Mais sobre mim

foto do autor